02.05.2018
• postado em #seratuante
Qual a melhor forma de estudar sempre foi uma dúvida para alunos e até mesmo professores. Existem vários métodos que você pode utilizar no seu dia a dia para que o conteúdo fique firme na sua memória e que você não esqueça mais dele. 
Um desses métodos é o Robinson, que abrange os momentos fundamentais do aprendizado e já tem sido utilizado por diversas universidades americanas. O método consiste em trabalhar cinco passos cruciais para o estudo: explorar, perguntar, ler, rememorar e repassar.
Explorar é o primeiro passo, que nada mais é do que  descobrir todo o conteúdo que está nas páginas que devem ser estudadas. Aqui, o estudante deve observar a obra como um todo, deixando sempre a curiosidade o levar.
As perguntas devem ser feitas em um segundo momento, onde deve-se elencar as dúvidas e perguntas que não ficaram claras. Aqui devem ser anotadas todas as dúvidas que serão levadas ao professor.
Depois, o aluno deve ler, analisar e resumir tudo o que foi estudado, sabendo identificar as partes fundamentais do texto e saber diferenciá-las das complementares. Aqui o aluno pode grifar as partes importantes do texto e elaborar esquemas que possam ser usados na revisão. Perceba que nessa etapa, muitas das perguntas anotadas no segundo passo podem ser retiradas, mas se ainda não ficar claro seus questionamentos, não hesite em procurar o professor.
Rememorar é a etapa que deve ser aplicada ao fim de cada sessão de estudo ou a cada mudança de capítulo. Você deve relembrar tudo o que foi estudado, fazendo um pequeno mapa mental e anotando em um papel. Dessa forma, você vai fixar o que está solidificado e identificar as lacunas que ainda estejam evidentes.
O último método é nada mais que repassar uma análise completa do que foi estudado. Pegue os resumos, mapas mentais e anotações produzidas para checar se está tudo em ordem. O melhor para essa última fase é discutir com os colegas os temas e fazer uma verificação do que foi aprendido e, possivelmente, levantar mais tópicos para a discussão.

 

O que você está esperando para colocar esse método em prática e compartilhar com os amigos? Depois conta pra gente, queremos saber o resultado.

0 comentários